COMO FAZER AGENDAMENTO DO SEGURO DESEMPREGO NO POUPATEMPO

O Governo de São Paulo oferece à sua população vários serviços nos Postos do Poupatempo e o seguro-desemprego é um deles pois dentro dos postos há um setor da Secretaria de Emprego e das Relações de Trabalho que é órgão responsável por atender todos os pedidos e encaminhá-los ao Ministério do Trabalho.

Para alguns postos, é necessário que você primeiro faça um agendamento e depois basta comparecer no posto escolhido no dia e horário marcados.

Existem três formas de realizar o agendamento: pelo Portal do Poupatempo, aplicativo para celular ou pelo atendente virtual. Veja então cada uma delas:

Fazer Agendamento Seguro desemprego Pelo Portal do Poupatempo:

  • Acesse o site poupatempo.sp.gov.br
  • Clique em “Entrar” ou realize seu cadastro
  • Clique em “Seguro-Desemprego” e selecione o local
  • Informe se é trabalhador registrado por pessoa jurídica ou empregado doméstico
  • Siga todo o passo a passo
  • Escolha o posto, o dia e o horário
  • Anote o protocolo de agendamento

Se preferir pode baixar o aplicativo SP Serviços e realizar o agendamento diretamente no seu celular, basta seguir as orientações.

Existe ainda a opção de agendamento pelo atendente virtual, o Poupinha. Assim que você acessa a página do Poupatempo verá logo no canto inferior direito o Poupinha. Envie uma mensagem e ele vai te ajudar a realizar o agendamento.

Todas as formas são bem simples e práticas!

Quem tem direito ao Seguro desemprego:

  • Ter recebido, pelo menos, 12 salários, consecutivos ou não, não importa se são empresas diferentes, nos últimos dezoito meses imediatamente anteriores à data de demissão.
  • Ter trabalhado com registro na Carteira de Trabalho por, pelo menos, 12 meses, consecutivos ou não, nos últimos 36 meses anteriores à data de demissão.
  • Solicitar no período de 7 a 120 dias corridos a partir da data de demissão que está registrada na Carteira ou do acordo judicial.
  • Ter sido demitido sem justa causa ou por dispensa indireta. Dispensa indireta é quando a empresa decreta falência ou fecha ou uma ordem judicial.
  • Ter sido admitido no último emprego por contrato por prazo indeterminado.
  • Não pode estar recebendo benefícios do INSS, exceto auxílio-acidente ou pensão por morte.
  • Não pode possuir renda própria.

Documentos necessários para retirar o seguro desemprego:

  • RG ou qualquer documento de identificação com foto
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social – original
  • Cartão PIS/PASEP
  • Requerimento de Seguro Desemprego (com numeração iniciada em 77) – 2 vias originais
  • Os três últimos holerites, anteriores ao mês da rescisão
  • Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho
  • CPF
  • Comprovante de depósito do FGTS
  • Termo de Quitação – original (para contratos com menos de 1 ano)
  • Termo de Homologação – original (para contratos com mais de 1 ano)
  • Comprovante de escolaridade
  • Comprovante de Residência
  • Termo de Audiência

Esse serviço é totalmente gratuito e depois que você der entrada, tem um prazo para receber a primeira parcela após 30 dias corridos. E poderá receber o seguro-desemprego em qualquer agência da Caixa Econômica ou Casas Lotéricas, se possuir o Cartão do Cidadão. Se você tem um automóvel, também poderá realizar o agendamento da crlv.

Lembrando sempre que é melhor chegar 30 minutos antes do horário agendado e não se esqueça de levar todos os documentos e o protocolo de agendamento.

Deixe uma resposta